sábado, 13 de fevereiro de 2010

Sem sensações, nem emoções; simplesmente esperando o tempo passar. Sorri por obrigação, mantem-se em pé para evitar alardes, continua guardando tudo, tudo para si.. mas, o tempo está se esgotando; o limite sendo ultrapassado. Está a beira da explosão; seu coração pulsa por pulsar, as horas passam por passar, e ela continua ali, no mesmo lugar. Sem brilho no olhar, sem motivos pra prosseguir, sem metas a alcançar; nada mais importa.
Ela aguarda ansiosamente o fim!